Ratos, New York, Metro, Nova Iorque, Ratos
Ratos, New York, Metro, Nova Iorque, Ratos

Vivendo em New York: O Metrô e os Ratinhos !

Você gosta de ratos ? Eu não gosto, não gostava, tinha pânico, mas agora até acho um pouco fofos, ainda mais quando estão em um bom nível de distância de mim.

Essa distância seria eu na plataforma no alto e eles nos trilhos do metrô lá embaixo. O metrô em Nova Iorque é infestado de ratos. Parece que muito já foi feito para tentar acabar com os roedores, mas nunca tiveram êxito e aí coisa vai ficando por isso mesmo.

Incrível como ninguém liga, ninguém se incomoda, ninguém grita, ninguém pula no colo de ninguém quando vê esses ratinhos pulando e correndo nos trilhos. Eu já vi vários, as vezes tem poucos, um ou dois e as vezes tem uma trupe inteira, uns dez.



Esse aqui quando me viu fotografar correu:
Ratos, New York, Metro, Nova Iorque, Ratos

Engraçado como a atitude da sociedade a nossa volta nos influência, sempre acreditei nisso. Se todo mundo que mora aqui fica bem com os ratinhos no metrô, quem está chegando de fora aprende a ficar bem com eles também. Essa é uma das atitudes que eu tenho amado aqui em Nova Iorque, não somente em relação aos ratos, aqui, no geral, as pessoas não ligam para nada, você encontra gente de tudo quanto é jeito, de tudo quanto é cor, raça e religião, com os cabelos mais malucos, as roupas mais coloridas, e quem está do lado simplesmente nem repara, não liga, não julga, pode ser no metrô, na rua ou em qualquer lugar. Você pode ser quem você quiser aqui e não vai ter uma sociedade para te julgar: “They don’t really care about it !!!”.

Eu acho que um bom início para tentar acabar de vez com os ratos seria limpar o metrô, hahaha… que tal ? porque o metrô é um local muito sujo, com goteiras, infiltrações, tem umas estações que são melhores e outras piores. Não é fácil de encontrar latas de lixo, porque é proibido beber e comer lá dentro e acho que eles não colocam latas de lixo para não incentivar o consumo. Mas, ninguém deixa de comer ou beber pelo fato de ser proibido, e jogam o lixo em qualquer lugar e muitas vezes vai parar nos trilhos.

Esquecendo um pouco os ratinhos fofos, o lixo e focando no metrô…

O metrô aqui é absurdo de grande, funciona 24 horas e você consegue ir de metrô para todos os lados, todos os lugares. Tem muitas linhas, linhas que são identificadas por números: 1,2,3… e linhas que são identificadas por letras: A,B,C… J,L,M,N… é muito grande mesmo, passam mais de uma linha na mesma plataforma e é necessário ficar atento e ver qual é a linha do metrô que está chegando antes de entrar. Não é difícil se perder, por isso eu baixei um aplicativo chamado HopStop, ele é ótimo, você diz onde está e para onde quer ir e ele te fala detalhadamente quais linhas pegar, quais estações vai passar e qual estação descer. Então ao invés de tentar explicar para vocês como andar no metrô, prefiro dar a dica desse aplicativo: https://www.hopstop.com/ .

Sempre tenho a sensação de estar dentro do filme Ghost quando entro no metrô aqui:

Subway, , New York, Metro, Nova Iorque,Subway, , New York, Metro, Nova Iorque, Subway, , New York, Metro, Nova Iorque, E, de vez enquando, também tenho uma outra sensação quando vejo algo parecido com isso:

A sensação de estar indo para Osasco – SP ou para Pavuna – RJ. hahahaha

Tirando o lado ruim da sujeira no metrô, a funcionalidade dele é sensacional e da para encontrar muita coisa interessante lá dentro.

Subway, , New York, Metro, Nova Iorque, Subway, , New York, Metro, Nova Iorque,

Voltar para casa com esse céu cor de rosa foi lindo ! <3

Um beijo
Yrê Sales

Yre-sales

Tagged in :

10 Comments

  1. Eu vejo muitos ratos em locais próximos a terminais urbanos e no centro de florianópolis, e sim, parece ser normal para cidades com circulação de muita gente e com esgotos grandes, muitas construções, ter esse tipo de animal :/ Gostei bastante do post, foi uma visão bem inusitada de NY que normalmente não ouviríamos falar sobre. Parabéns!

    Beijos

    Brilho de Aluguel

  2. Realmente é bem estranho isso né?! Tipo, existem coisas que a gente julga jamais fazer mas se conviver ali, com aqueles respectivos hábitos acaba fazendo ho, ho. Eu por exemplo odiava palavrão, meu Deus. E como. Agora falo alguns e sai assim numa boa sem eu nem pensar. Acho que tudo é coisa de hábito, não é mesmo?!

    Inquietudes Secretas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image
Reload Image